Violência contra mulher é o direito humano mais violado em Angola

Violência contra mulher é o direito humano mais violado em Angola

A Organização Não-Governamental (ONG) “Ondjango Feminista” considerou hoje a violência contra a mulher como o direito humano mais violado em Angola, revelando que cerca de 62.000 mulheres foram violentadas em 2016. Os números foram divulgados no final de uma marcha organizada pela “Ondjango Feminista” e que juntou várias dezenas de angolanos em Luanda, protestando contra os abusos sobre as mulheres.  De acordo com Júlia Augusto, da organização, dos casos registados no ano passado, 32% referem-se a mulheres que são vítimas de violência doméstica desde os 15 anos e que só…

Leia Mais